22.12.06

Guerra de estrelas

Os militares romanos tinham um hábito salutar: hibernavam no Inverno e combatiam quando o sol convidava ao exercício guerreiro. No CDS/PP os generais preferem arranhar-se quando está frio e lamber as feridas no Verão. É um direito constitucional, que poderiam não confundir com dever. Ribeiro e Castro, um Júlio César que passa as noites a sonhar com assassínios políticos, virou-se contra Nuno Melo, líder parlamentar. O resultado é o desgaste continuado do pequeno partido oposicionista. Que continua órfão de Paulo Portas. Mas, enfim, com oposição como este CDS/PP o que pode preocupar Sócrates?

1 comentário:

Mário Martins disse...
Este comentário foi removido pelo autor.